Work in Portugal! – 27 de Novembro, num computador perto de si.

EURES – European Job Days

No próximo dia 27 de novembro (3ª feira), já daqui a uma semana, realiza-se o Work in Portugal! um evento de recrutamento e informação exclusivamente “online”, no âmbito dos European Job Days, organizado pelo IEFP/EURES Portugal com o apoio da Comissão Europeia.

O evento é dirigido a profissionais de todo o Espaço Económico Europeu (e Suíça), com diferentes níveis de educação e áreas de formação, recém-graduados ou com experiência, que procurem uma nova oportunidade em Portugal.

Até ao momento, estão confirmados 30 expositores virtuais  e mais de 110 ofertas, com 650 oportunidades de emprego em divulgação (número que aumentará até à data do evento), numa grande diversidade de áreas profissionais:

  • engenharias
  • tecnologias de informação
  • gestão e finanças, marketing, seguros
  • “customer service” e “BPO – business process outsourcing”
  • hotelaria
  • indústria (farmacêutica, de fibra ótica, alimentar)
  • agricultura

de entre outras.

No dia 27, no período da manhã (entre as 9h00 e as 13h30), será disponibilizado “online” um Programa diversificado de apresentações (em inglês), com:

  • conteúdos temáticos sobre condições de vida e trabalho, procura de emprego e apoios à mobilidade;
  • vídeos de algumas das empresas participantes;
  • e testemunhos de cidadãos europeus (também portugueses) que escolheram viver, trabalhar e/ou regressar a Portugal.

Teremos ainda, no “Chat”, ao longo de todo o dia (entre as 9h00 e as 17h00):

  • as empresas participantes para resposta às suas questões e/ou realização de entrevistas (no caso de se candidatar previamente às ofertas disponíveis);
  • os conselheiros EURES de Portugal com informação e aconselhamento sobre procura de emprego, condições de vida e trabalho e apoios à mobilidade;
  • e outros serviços de informação e assistência a todos os cidadãos que pretendam viver e trabalhar em Portugal.

COMO TIRAR O MELHOR PARTIDO DO EVENTO

INTERESSAD@? INSCREVA-SE JÁ!Participação gratuita

Visite www.europeanjobdays.eu/workinportugal para mais informação.

Coloque-nos as suas questões mais específicas por e-mail: workinportugal@iefp.pt

Contamos consigo!

10 de outubro de 2018 – Recital de piano de Filipe Pinto-Ribeiro – Castelo Real em Varsóvia

baner event fb-1
Um dos músicos portugueses de maior prestígio nacional e internacional,
Filipe Pinto-Ribeiro é considerado um «poeta do piano».
As suas interpretações musicais caracterizam-se por uma profunda emoção
e intelectualidade. Filipe Pinto-Ribeiro nasceu no Porto e, após estudos
em diversos países, tornou-se discípulo de Lyudmila Roshchina no
Conservatório Tchaikovsky de Moscovo, onde se doutorou com as mais                                          elevadas classificações em 2000. Gravou diversos CDs que obtiveram
excelente recetividade por parte do público e da crítica musical. No seu
CD de estreia, interpreta obras de Mussorgsky, Scriabin, Schostakovich,
Debussy e Ravel. A sua última gravação, o duplo CD «PIANO SEASONS»,
tem recebido as mais elevadas classificações da crítica internacional.

No recital de piano que terá lugar no dia 10 de outubro de 2018 no Castelo Real de Varsóvia              serão interpretadas obras dos seguintes compositores:
Wolfgang Amadeus Mozart
Ludwig van Beethoven
Franz Liszt
José Vianna da Motta

O recital em Varsóvia é organizado pela Embaixada de Portugal em Varsóvia, Camões – Instituto da Cooperação e da Língua Portuguesas, com o Banco Millennium SA como o mecenas.

 

Cursos de formação a distância do Camões, I.P. – Candidaturas até 3 de outubro

Informa-se que decorre, até 3 de outubro (inclusive), período de candidaturas para cursos a distância deste Instituto (1.º semestre 2018/2019).

Destacam-se novos cursos: Português para Hotelaria e Cinema e Vídeo – Desconstruções Pedagógicas.

CULTURA

  • Portugal e os Pós-Colonialismos: conceitos, contextos e vozes
  • Cinema e Vídeo – Desconstruções Pedagógicas

ENSINO

  • Pragmática Linguística e Ensino do Português: A Comunicação Oral e Escrita
  • Didática do Português Língua de Herança
  • O Desafio da Diferença: Abordagens de Diferenciação Pedagógica no Ensino de Línguas
  • Escrita Criativa – Nível Introdutório
  • Tecnologias Móveis para o Ensino de Português L2

CURSOS DE PORTUGUÊS PARA ESTRANGEIROS

  • Português para Estrangeiros, nível A1 (Básico)
  • Português para Estrangeiros, nível A1 (Premium)
  • Português para Estrangeiros, nível A2 (Básico)
  • Português para Estrangeiros, nível A2 (Premium)
  • Português para Estrangeiros, nível B1 (Básico)
  • Português para Estrangeiros, nível B1 (Premium)
  • Português para Estrangeiros, nível B2 (Básico)
  • Português para Estrangeiros, nível B2 (Premium)
  • Português para Estrangeiros, nível C1 (Básico)
  • Português para Estrangeiros, nível C1 (Premium)
  • Português para Hispanofalantes, nível A1/A2

CURSOS DE PORTUGUÊS PARA FINS ESPECÍFICOS

  • Laboratório de Escrita Criativa – Nível Avançado
  • Laboratório de Escrita Jornalística
  • Português para Negócios
  • Introdução ao Português Jurídico
  • Português para Hotelaria

TRADUÇÃO E INTERPRETAÇÃO

  • Tradução e Tecnologias de Informação Linguística

COOPERAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO

  • Introdução à Cooperação Internacional para o Desenvolvimento
  • Boa Governação, Cidadania e Direitos Humanos
  1. Como habitualmente, os Docentes da rede de Ensino Português no Estrangeiro e Agentes de Cooperação do Camões, I.P. beneficiam de redução em propina de cursos.

3. Informações complementares disponíveis aqui e aqui .

13-15 de dezembro de 2018 – III Encontro dos Investidores da Diáspora

De 13 a 15 de dezembro de 2018 realiza-se, em Penafiel, o “III Encontro dos Investidores da Diáspora”. Por ser do interesse dos agentes económicos portugueses e luso-descendentes bem como das associações empresariais  o conhecimento desta iniciativa, junta-se carta-convite do Senhor Secretário Estado das Comunidades Portuguesas, Dr. José Luis Carneiro. Carta.Penafiel.

Mais informação relativa ao tema poderá ser consultada no Portal das Comunidades do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

 

Acesso dos emigrantes ao ensino superior em Portugal

No sentido de promover o conhecimento e a internacionalização dos sistemas de CTES, o Governo português lançou a iniciativa Estudar e Investigar em Portugal / Study & Research in Portugal, compreendendo uma plataforma de divulgação das instituições, projetos e atividades relacionadas com o ensino superior, a ciência e a tecnologia nacionais.Para além da recomendação de consulta do portal Study & Research in Portugal, disponibilizando informação simplificada sobre o ensino superior (funcionamento, cursos, instituições, acesso e apoios), garantindo as condições adequadas para que as escolhas possam ser feitas de forma informada e consciente, enviamos, em anexo:
• Folheto informativo sobre o contingente especial para candidatos emigrantes portugueses e familiares que com eles residam, dirigido às famílias, jovens, familiares de funcionários em serviço no estrangeiro em missões do Estado e associações e comunidades portuguesas na diáspora, visando informar sobre as oportunidades de acesso ao ensino superior em Portugal;

• Desdobrável “Estudar mais é preciso – 10 razões”, dirigido aos jovens, famílias, professores, escolas e empresas, com o propósito de informar e evidenciar os benefícios da formação superior:

 emigrante

 Um dos objetivos inscritos no plano de promoção da iniciativa Estudar e Investigar em Portugal dirige-se especificamente às comunidades portuguesas no estrangeiro, dando a conhecer o que representa hoje o sistema de ensino superior e de ciência e tecnologia em Portugal, constituindo alternativa e oportunidade para estudar ou investigar, investir e promover mais conhecimento, gerando contextos de inovação de referência internacional.

Leia também carta de S.E. a Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e S.E. o Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas: carta.emigrante

Consulte Portal continuaaestudar.pt, que acolherá informação relevante sobre as condições de acesso e frequência do ensino superior;

Iº Encontro Intercalar de Investidores da Diáspora (Açores, 6-7 julho 2018)

Por iniciativa conjunta dos Senhores Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas e do Secretário Regional Adjunto da Presidência do Governo Regional dos Açores para as Relações Externas, realizar-se-á, na cidade da Praia da Vitória, Ilha da Terceira, Açores, o 1.º Encontro Intercalar dos Investidores da Diáspora.

O evento, organizado pelo Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora, em parceria com o Governo Regional dos Açores, com colaboração da Câmara Municipal da Praia da Vitória e da Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores, é dirigido a investidores, empresários e empreendedores da Diáspora Portuguesa no Mundo.

As últimas inscrições ainda estão a ser aceites, até o dia 30 de Junho de 2018, e deverão ser enviadas para o endereço de correio eletrónico gaid@mne.gov.pt .

Informação sobre o evento pode ser consultada aqui e aqui .

 

Programa IFFRU 2020

O Instrumento Financeiro para a Reabilitação e Revitalização Urbana (IFRRU 2020) é o maior programa de incentivo de apoio à reabilitação urbana lançado em Portugal, com cerca de 1.400 milhões de euros de financiamento disponíveis para apoiar a reabilitação integral de edifícios com idade igual ou superior a 30 anos ou, em caso de idade inferior, que estejam em mau estado de conservação, situados em Áreas de Reabilitação Urbana (ARU) de todos os centros urbanos do país (incluindo regiões autónomas).

Através deste instrumento financeiro, são concedidos empréstimos com melhores condições do que as oferecidas pelo mercado, nomeadamente com maturidades até 20 anos, períodos de carência que acompanham a realização do investimento (mais 6 meses) até um máximo de 4 anos, e taxas de juro muito abaixo (cerca de metade) das praticadas no mercado, pois cerca de metade do valor do empréstimo é concedido com recursos públicos, com custo próximo do zero. Os empréstimos estão disponíveis aos balcões de bancos selecionados por concurso público. Os imóveis a reabilitar poderão destinar-se a qualquer uso, designadamente atividade económicas ou habitação (própria, para venda, para arrendamento, segunda habitação, etc.).

O período de apresentação de candidaturas é em contínuo e o processo, muito simples, consiste em reunir o parecer do Município, o certificado energético do imóvel e fazer o pedido de financiamento junto de um dos bancos selecionados.

Para atestar a localização e idade do imóvel, bem como indicar os benefícios fiscais que podem estar associados ao investimento, cada Município tem um ponto focal específico para o IFRRU 2020 que emite parecer  e acompanha ainda o processo de licenciamento urbanístico no sentido de o agilizar.

Mais informações aqui.